Execução do Programa de Recuperação de Áreas Degradadas para os Parques Eólicos Pedra do Reino I e III

Execução do Programa de Recuperação de Áreas Degradadas para os Parques Eólicos Pedra do Reino I e III
Execução do Programa de Recuperação de Áreas Degradadas para os Parques Eólicos Pedra do Reino I e III
Execução do Programa de Recuperação de Áreas Degradadas para os Parques Eólicos Pedra do Reino I e III

Descrição

O trabalho consistiu na execução de atividades de recuperação das áreas degradadas decorrentes das obras de construção dos parques eólicos Pedra do Reino I e III, totalizando 14 hectares recuperados. A metodologia adotada baseou-se nos critérios estabelecidos no PRAD os quais se fundamentam nos princípios da bioengenharia que busca melhorar a estrutura do solo incorporando matéria orgânica com a utilização de material natural biodegradável e a revegetação com a utilização de espécies nativas de caatinga.

Dessa forma foram adquiridas mudas das espécies desse bioma e armazenadas em viveiro instalado no local, com devido controle de rega e de infiltração dos raios solares. O plantio das mudas nos berços de plantio previamente escavados foi precedido pela avaliação das características do solo e colocação de adubo orgânico acrescido de dosagens de corretivos (fosfato e calcário) objetivando recondicionar e melhorar a capacidade produtiva do solo. Tendo em vista o longo período de estiagem e a ausência de chuvas, a rega das plantas foi executada com a utilização de carros-pipa. A metodologia empregada teve como objetivo alcançar os seguintes resultados: Reduzir a erodibilidade do terreno;  Criar condições futuras para germinação de sementes;  Reduzir a insolação direta sobre o terreno, aumentando o albedo local;  Melhorar a estruturação dos solos; Melhorar a aeração e drenagem interna do solo;  Diminuir a lixiviação da cobertura pedológica;  Aumentar a resiliência do ambiente;  Melhorar o aspecto visual das áreas degradadas.

Fale com a TEMIS: +55 71 3357-3979